Li, e ai?: Peter e Wendy

Eu não tenho muito hábito de ler clássicos, confesso. É um fraco que tenho que converter, principalmente se tratando de clássicos brasileiros (que só li aqueles obrigados pelo colégio basicamente). No começo desde ano adicionei Peter e Wendy a minha lista de “comprados para ler” e logo que terminei Sob a Redoma logo emendei a história do menino que nunca cresceu

A história, acho que todo mundo conhece pelo menos o básico. Eu já havia visto o clássico da Disney e o filme de 2003 – que é simplesmente encantador e mágico! *_*. Amava Peter mesmo sem nunca ter lido seu conto original. Depois de ler, apenas me apaixonei mais. 

Como um clássico infantil, encontramos uma narrativa simples, mas incrivelmente sutil e cheia de nuances que valem cada vírgula lida. A cada página, descobria mais coisas que os filmes nunca nos contaram e pensava o quanto perdi por demorar tanto para ler o livro. Me apaixonei pelos pais da Wendy e seus irmãos e, pasmem, entendi e até fiquei com pena do temido Capitão Gancho. 

Quer saber mais sobre a minha opinião? Só dar o play ai embaixo. 

Aproveita também para conferir a edição linda que eu acabei comprando.